O JPMorgan diz que espera pagar cerca de $3 bilhões para ajudar a reabastecer o fundo do FDIC

JPMorgan espera pagar $3 bilhões para reabastecer fundo do FDIC.

NOVA YORK, 3 de agosto (ANBLE) – O JPMorgan Chase (JPM.N) espera reservar cerca de US$ 3 bilhões para reabastecer o fundo da Federal Deposit Insurance Corporation (FDIC) assim que as regras propostas forem finalizadas pelo regulador bancário, informou a empresa em um documento na quinta-feira.

Espera-se que os gigantes bancários dos EUA arquem com a maior parte dos custos para reabastecer o fundo, que foi esgotado em US$ 16 bilhões este ano após a falência de três bancos.

O Wells Fargo (WFC.N) estimou que enfrentará uma “avaliação especial” pré-impostos de até US$ 1,8 bilhão, enquanto o Bank of America (BAC.N) afirmou que poderia enfrentar um gasto pré-impostos de cerca de US$ 1,9 bilhão assim que a proposta da FDIC for finalizada, de acordo com documentos separados nesta semana.

De acordo com a regra proposta, a FDIC aplicaria uma taxa de “avaliação especial” de 0,125% aos depósitos não segurados de instituições financeiras acima de US$ 5 bilhões, com base na quantidade de depósitos não segurados que um banco possuía no final de 2022.